Sei que todo fim de namoro é complicado, principalmente quando é o outro que não nos quer mais. Passei por uma situação parecida há poucas semanas atrás, e sei bem o que todas nós sentimos. Mas posso dizer uma verdade, não é tão difícil assim. Nunca tinha passado por uma situação parecida, mas pra tudo na vida existe uma primeira vez, não é? Antes de tudo acabar, não conseguia me imaginar sem ele, de verdade que não conseguia pensar sequer viva (que absurdo), sem a presença dele. Mas foi quando veio ausência, que percebi que a presença do outro é importante sim, mas não é tudo. E que você pode sobreviver sim sem alguém do seu lado. Digo isso, porque depois que tudo acaba agente tem a sensação de um vazio, de que falta alguma coisa, mas não é bem assim.

Homem é um bicho complicado e que muitas vezes não são maduros suficientes para encarar um relacionamento mais sério. E talvez um “Eu te amo” pode assustar muito um cara que às vezes não está pronto para ouvir.  Tudo bem que somos complicadas e em momentos tpms eles jamais entenderão uma reação nossa em determinadas situações.

Acredito que em um namoro cada um deve ter seu espaço, seus momentos, sua liberdade entende? Por isso, enquanto estamos em um relacionamento jamais devemos deixar nossas amizades, deixar de ter nossos momentos, o nosso lazer que antes tínhamos. Isso é essencial, deixar de viver sua vida para viver a vida do outro, pode prejudicar você e acabar desgastando seu relacionamento. Implorar e se humilhar, jamais. Ninguém é obrigado a ficar com agente. Assim como gostamos de alguém podemos deixar de gostar, da mesma maneira que acontece com você pode acontecer com o outro, então deixe livre. Às vezes as pessoas precisam de um tempo para pensar melhor e refletir sobre tudo o que aconteceu e o que realmente querem para sua vida naquele momento. E é necessário que alguém sinta sua ausência para querer sua presença, e sufocar não é a melhor solução!

Acho que se tivéssemos ideia de como esse mundo é grande e o quanto existem pessoas diferentes, talvez sofreríamos bem menos com o fim de um relacionamento. E foi isso que percebi. Passei a perceber o quanto sou mais importante que o outro. E comecei a me valorizar mais. E é isso que digo a vocês, que assim como eu, sofreram ou sofrem pelo fim de um namoro. Doeu, mas foi só naquele momento, passou como tudo na vida!

Quer algumas dicas?

Atualize suas redes sociais, ligue para suas melhores amigas e combinem de sair e faça dessa saída à melhor dos últimos tempos. Mas antes passe nos salão, dê aquele up no visual, arrase nas unhas, no make. Renove seu guarda-roupa! Faça coisa que você esqueça tudo e só lembre-se de si e de mais ninguém! E por favor, não coloque no seu status do Orkut algo parecido como ‘eu fiz tudo mas ele não me quis’. Mude, coloque algo que mostre que você esta bem e que não sente falta dele, que ele foi sim importante, mas só naquele momento, e que hoje você é mais importante do que qualquer outra pessoa (não é ser egoísta é ter amor próprio, não vale ficar sofrendo por quem não te quer). Que você vive sim sem ele, e talvez até melhor! Viaje, curta, aproveite e aí você fará ele perceber o que ele perdeu. Que você está feliz, está bem com você mesma e a vida não parou para esperar por ele! Deixe bem claro que você não estará disponível para sempre e que sua felicidade não depende do outro (ou dele). “A felicidade é relativa e totalmente singular”. Pense nisso.


Deixe um comentário

Novidades por e-mail